FCJ Rio

MedTech Talks: LGPD na carreira médica e normativa de dados do paciente

LGPD na carreira médica e normativa de dados do paciente

Para médicos, Hospitais & Startups

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) foi sancionada no mês de agosto do ano de 2018. Ela vem com uma roupagem de normas e o tratamento de dados sensíveis que entrou em vigor no mês de maio de 2021.

No entanto, há um grande debate sobre quais devem ser os cuidados na coleta de dados e no uso deles. É de extrema importância deixar claro para os usuários qual a finalidade dos dados e, só então, angariar a autorização para aplicação.

Na área da saúde, isso não é diferente. Os pacientes precisam ter certeza que os seus dados estarão seguros e que o médico, hospital ou clínica se assegure de antemão dessas informações.

Entenda o impacto da LGPD na saúde: Na saúde, a coleta de dados é essencial para prestar qualquer ASSISTÊNCIA e atendimento. As informações coletadas variam desde nome, sexo e idade até os dados clínicos, que podem revelar uma série de patologias, muitas ainda estigmatizadas.

Contudo, a LGPD opera protegendo o paciente contra o mau uso das informações. Ela fortalece uma característica básica da relação médico-paciente: a DISCRIÇÃO. Então, é uma maneira de garantir judicialmente algo que já é orientado pela ética médica.

Por isso, a Holding Saúde Ventures promoveu esta edição do MedTech Talks com um debate sobre esse assunto que está gerando grandes mudanças na área da saúde.

Faça contato:

Visite o site Saúde Ventures

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?